domingo, 15 de março de 2020

Etapas de Leitura




Na perspectiva cognitiva a leitura é um processo de informações. Portanto, o ato de ler é fundamentalmente mecânico. Ou seja, a leitura é uma atividade intelectual exercida por etapas através dos sentido: audição, paladar, olfato, tato e, sobretudo, visão.

1ª ETAPA
Etapa determinada como momento da percepção da palavra, do objeto, dos fatos lidos. O ato de ler, neste momento, ainda não é completo.

2ª ETAPA
Compreende o processo de levar as informações apreendidas para a memória intermediária, onde elas serão organizadas em unidades significativas. Durante o ato de leitura, memória de trabalho automaticamente  aciona conhecimentos já sedimentados em grupos maiores e envia para junto destes as informações lidas, que têm relação com a necessidade e com a experiência do leitor. A informação significativa segue para a memória profunda ou semântica.

E a memória intermediária é acionada para receber novas informações, num processo sucessivo, chamado de fatiamento. As informações desnecessárias ou consideradas insignificantes pelo leitor são descartadas pela   memória intermediária. 

3ª ETAPA
Acontece com a recepção do conhecimento pela memória profunda, onde ocorre a compreensão real e a re-elaboração do texto lido. 

É importante notar que a memória intermediária trabalha ininterruptamente em um processo de esvaziamento e escolha de informações lidas. Se o leitor não consegue selecionar informações para armazenar, as novas informações não farão sentido, dificultando a conexão  com unidades significativas já sedimentadas.